NGO-CambioNews grd

Agosto deve prenunciar um trimestre (ago-out) de muita contenção e cautela!

0
0
0
s2sdefault

Temos salientado quase que cotidianamente que entendemos que o ponto de equilíbrio do preço da moeda americana está em R$ 3,80, e acreditamos que gradativamente nos próximos dias será reconduzido a este patamar.

Não se trata de um fato novo, tem sido nossa projeção já algum tempo, e consideramos que este preço precifica todos os vetores de impacto de origem interna e externa.

Diferentemente de uma grande maioria, não vemos ambiente de volatilidade no câmbio, até porque o BC tem mecanis…

Leia mais

0
0
0
s2sdefault

Agosto poderá iniciar trimestre de redução de ritmo do mercado. Postura defensiva!

0
0
0
s2sdefault

O mês de agosto poderá ser um marco divisório na dinâmica dos principais segmentos do mercado financeiro brasileiro.

O trimestre próximo – agosto a outubro – sugere não um desalento, mas cautelarmente postura defensiva evidenciando sensatez ao longo de um período de extrema relevância para o país.

Perduram muitas dúvidas e incertezas no entorno do evento importantíssimo que é a sucessão presidencial e renovação do Congresso nacional, tendo em vista que o país atravessa ainda grave cris…

Leia mais

0
0
0
s2sdefault

Embate entre opostos no mercado financeiro pode criar atipicidades e volatilidade!

0
0
0
s2sdefault

O final do mês deve ser caracterizado por embate entre comprados e vendidos, em especial no mercado de câmbio envolvendo dólar futuro, swaps e cupom cambial, e isto pode provocar movimentos atípicos envolvendo volatilidade, sem, contudo, permitir que se considerem as resultantes como novas tendências.

No contexto câmbio, incluindo seus segmentos, há um posicionamento dos institucionais nacionais fortemente vendidos e dos estrangeiros comprados, e a depreciação do preço da moeda america…

Leia mais

0
0
0
s2sdefault

Ajuste de final de mês mascara efetivas tendências e cria cenários díspares!

0
0
0
s2sdefault

O final do mês enseja muitos embates entre comprados e vendidos no mercado de câmbio e de derivativos em torno do câmbio (dólar futuro, cupom cambial, swaps).

Afinal, muitos apostaram excessivamente na desvalorização do real frente ao dólar, ultrapassando o razoável de volume comprado e agora se vêm na contingência de sair da posição assumida antes que o prejuízo se consolide conscientes de que podem ter errado nas projeções, ao mesmo tempo em que os vendidos forçam a depreciação do dó…

Leia mais

0
0
0
s2sdefault

Farol Brasil mantém incertezas, mas ocorre desmonte de posições compradas em dólar

0
0
0
s2sdefault

A despeito dos indicadores brasileiros revelarem dois pontos relevantes, quais sejam os impactos da greve dos caminhoneiros não teve a longevidade propagada e a economia sinaliza que retorna ao desempenho anterior ao evento ocorrido, o que resta no “farol futuro do Brasil” deixa evidente que o que já vinha claudicante continuará claudicante, com um viés bastante acentuado de perda evolutiva de dinamismo da atividade econômica.

A busca do nosso mercado financeiro em recompor um ambiente…

Leia mais

0
0
0
s2sdefault
Mesa: (11) 3291-3260    |    Tel: (11) 3291-3266    |    Fax: (11) 3106-4920

Ouvidoria

0800 777 9504

ATENDIMENTO

de segunda a sexta-feira

das 09h00 às 18h00

ouvidoria@ngo.com.br

Acompanhe a NGO
ngo-icon b-facebook    ngo-icon c-twitter 

ngo-icon a-logo